Teori Zavascki e a nova teoria da conspiração de Brazil of Cards

E eis que, na quinta-feira, 19 de janeiro de 2017, nasceu mais uma teoria da conspiração relacionada ao complexo e serial, cinematográfico ou mesmo animesco cenário político do nosso querido Brasil-il-il: a teoria de que o avião que transportava o então ministro do Supremo Tribunal de Justiça e relator da Lava-Jato, Teori Zavascki, não teria caído por acidente, mas sim sido sabotado para que a sangria fosse estancada e o pacto para barrar a operação fosse concluído.

 

Só para constar, toda vez que eu ouvia o nome do ministro ser pronunciado nos jornais, não entendia “Teori Zavascki”, mas sim “Teoriza Vascki”. Aí o cara morre de uma maneira que vai ter gente teorizando a respeito por décadas.

 

Acho importante frisar que tal teoria, diga-se, está relacionada direta ou indiretamente a tantas outras que surgiram nos últimos anos, como a conhecidíssima teoria de que o político Celso Daniel teria sido assassinato como queima de arquivo ou, ainda, que há certa tradição no meio político brasileiro de se eliminar determinadas figuras por meio da sabotagem e subsequente queda de aeronaves, mas, enfim, vamos a essa nova teoria.

Para começo de conversa, mesmo alguém que não esteja tão familiarizado com os acontecimentos políticos e, mais especificamente, que não fizesse ideia de que Teori Zavascki era o relator da Lava-Jato deve ter pensado “putz, mataram o cara” no momento em que soube da queda do avião e que o ministro estava listado entre os passageiros. Especulo que isso se dê porque o brasileiro realmente não vê os políticos com bons olhos e o que quer que aconteça com algum deles ou alguém relacionado a eles já é visto como sendo algo suspeito, algo que pode fazer parte do sujo jogo político.

Agora, quanto aos familiarizados, mesmo que minimamente, o pensamento anteriormente apresentado deve ter vindo acompanhado da lembrança de que Teori interrompera o recesso para analisar delações da Odebrecht e, poucos dias atrás, anunciou que tiraria o sigilo de mais de 1000 (mil) delas em fevereiro. Porém, a coisa toda não começou aí.

 

 

Ainda em 2016, o ministro e sua família vinham sofrendo ameaças, as quais chegaram a ser mencionadas pelo filho dele em uma publicação no Facebook em maio de 2016…

 

Grandes veículos de comunicação chegaram a fazer matérias sobre o post do filho de Teori Zavascki a respeito de ameaças sofridas pelo falecido ministro. Porém, é importante ressaltar que Francisco Zavascki não declarou em momento algum e em nenhum lugar que o pai sofreu um atentado.

 

…E foram confirmadas pelo próprio Teori Zavascki, que declarou na época – sem dar detalhes sobre as ameaças – que não levava nada a sério, principalmente as feitas pelas redes sociais, conforme O Globo informa.

Só que a coisa toda fica realmente estranha e a teoria da conspiração começou a se desenhar quando observaram que o Senador José Medeiros publicou, no Twitter, o seguinte:

A queda do avião teria acontecido por volta de 13h30 e a notícia da morte do ministro foi divulgada por volta de 17h00, mas a questão envolvendo essa publicação é que ela aparece como tendo sido feita às 10h58 de quinta-feita, embora também apareça como tendo sido feita às 16h58 do mesmo dia.

 

A publicação do senador José Medeiros sobre a morte de Teori Zavascki, com horários diferentes.

 

Nesse último caso, quero dizer, se o horário real da publicação for de 16h58, então o senador apenas antecipou a notícia que, não muito depois, viria a público. Porém, para os teóricos da conspiração, ele não foi o único a fazer uma publicação estranha na quinta-feira.

O advogado Adriano Argolo também publicou no Twitter, no horário de 12h33, o seguinte:

 

 

Adriano Argolo teria previsto a queda do avião de Teori Zavascki?

 

E isso foi o suficiente para muitos afirmarem que ele ou sabia das coisas ou seria adivinho, sendo que o próprio, em sua defesa na mesma rede social, diz que apenas fez uma análise acerca da coisa toda, no sentido de que não é preciso ser adivinho ou estar por dentro de algum esquema para saber no que algo como a delação da Odebrecht poderia desencadear.

Agora, se a possível homologação da delação da Odebrecht pode desencadear assassinatos ou desaparecimentos misteriosos, o sentimento de que a queda do avião não foi acidental, mas sim provocada por políticos citados na delação da Odebrecht, desencadeou uma enxurrada de memes e vídeos nas redes sociais nos últimos dias. A seguir, algumas dessas zoeiras.

Começando pelo vídeo (uma versão sem edição pode ser conferida aqui):

E seguindo com memes. Como este, que trata Alexandre de Moraes como um assassino profissional, tal qual o Hitman:

 

 

Bem como este:

 

Nesse meme há a associação com a série Pretty Little Liars, onde Alison DiLaurentis forja a própria morte e volta sob o disfarce de “A” para forçar suas quatro inseparáveis amigas – Spencer, Emilly, Hanna e Aria – a revelar os seus segredos. No caso, a morte de Teori Zavascki corresponderia à de Alison, enquanto os políticos que o velam equivaleriam às amigas inseparáveis dela, a delação da Odebrecht sendo as ameaças feitas por “A” para que elas revelem seus segredos.

 

E este:

 

 

Mas nem só de memes vive a zoeira tupiniquim com fatalidades convenientes, muitas informações falsas tendo surgido, sobretudo, nas redes sociais, como a estória de que um sargento das Forças Armadas teria orientado o piloto do avião, por meio de rádio, a descer em Paraty a uma altura não recomendável – o que teria provocado a queda da aeronave. A mesma estória afirma que o tal sargento teria sido preso, mas solto em tempo recorde por conta de uma limitar que teria sido expedida pelo ministro do STF Ricardo Lewandowski.

Além disso, surgiram estórias de que o avião não teria caixa-preta ou de que ela convenientemente não seria encontrada – sendo que, apesar de o modelo da aeronave não é obrigado a ter qualquer equipamento de gravação de dados ou de voz pelas regras de segurança da Agência Nacional de Aviação Civil – ANAC, foi encontrado um gravador de voz, o qual foi enviado para análise em Brasília.

E o fato de o gravador precisar ser analisado em Brasília, porque é lá que fica o Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos – Cenipa, levou muitos a teorizarem que os áudios seriam manipulados ou mesmo que declarariam não ter sido possível recuperar nada do gravador. É teoria  da conspiração em cima de teoria em cima de teoria que não acaba mais.

Assim como os memes, os quais surgem a cada nova informação referente ao acontecimento. Por exemplo, depois do Cenipa informar uma análise preliminar dos áudios extraídos do gravador da cabine do avião, surgiu esse vídeo:

 

 

Mas o ponto que eu achei mais interessante em toda a construção espontânea dessa teoria da conspiração diz respeito a um achado e tanto que alguém fez na internet: No site Jet Photos, uma espécie de álbum virtual de fotografias de aeronaves, uma foto de um avião do modelo King Air C90GTx, o mesmo do que transportava o ministro Teori Zavascki, foi visualizada 03 (três) vezes no primeiro dia de janeiro deste ano e mais 1885 (mil oitocentos e oitenta e cinco) vezes no terceiro dia de janeiro. Algo muito, muito, mas muito suspeito mesmo.

 

Captura de tela da página no site Jet Photos que mostra o histórico de visualizações da fotografia de um King Air C90GTx, mesmo modelo do avião de Teori Zavascki. Depois do dia 19 de janeiro e com a divulgação dessa imagem, houve um verdadeiro boom de visualizações dela – o qual vem caindo. A foto em si está disponível no seguinte link: foto de um King Air C90GTx. Já a página presente na imagem pode ser acessada por link disponível nas referências.

 

Por fim, considerando que quase a cada nova informação referente ao caso a teoria se adapta, eu não duvido que, mesmo que seja minuciosamente demonstrado que não houve sabotagem na aeronave e que o andamento da Lava-Jato não seja prejudicado (com o nosso sistema prisional, mesmo que Temer, Lula e companhia sejam presos, em dois anos já estarão soltos), muita gente passe a acreditar e difundir por aí que o piloto teria sido chantageado (algo como: ou você cai com o avião ou sua família sofrerá as consequências), drogado ou mesmo comprado (algo como: você cai com o avião e sua família receberá uma grana preta).

Não duvido – mas que essa queda, tal qual outros tantos acidentes na história brasileira, foi bizarramente conveniente, ah, isso foi. E, ao voar de avião, não se esqueçam de fazer a check list:

 

Check Dollyst.

 
 
 
 
 

REFERÊNCIAS

 

ALVARENGA, Flávia. Caixa-preta do avião que caiu com Teori tem dano, mas gravador de voz é ‘altamente’ protegido, diz FAB. Publicado em: 23 Jan 2017, 13h32. Atualizado em: 23 Jan 2017, 21h00. Disponível em: <http://g1.globo.com/politica/noticia/cenipa-analisa-em-brasilia-gravador-de-voz-do-voo-em-que-estava-teori.ghtml>. Acesso em: 29 Jan 2017.

CASAGRANDE, Vinícius. Brasil tem 66 aviões iguais ao que caiu com o ministro Teori Zavascki. Publicado em: 19 Jan 2017, São Paulo. Disponível em: <https://noticias.uol.com.br/politica/ultimas-noticias/2017/01/19/brasil-tem-66-avioes-iguais-ao-que-caiu-com-o-ministro-teori-zavascki.htm>. Acesso em: 29 Jan 2017.

COUTINHO, Mateu; MACEDO, Fausto; MONTEIRO, Tânia. Áudios indicam desorientação de piloto do avião que caiu no mar e matou Teori. Publicado em: 24 Jan 2017, 13h11. Brasília. Disponível em: <http://politica.estadao.com.br/blogs/fausto-macedo/aeronautica-nao-encontra-qualquer-anormalidade-no-aviao-de-caiu-no-mar-e-matou-teori/>. Acesso em: 29 Jan 2017.

MACHADO, Felipe. Avião que transportava Teori não tinha caixa-preta, diz FAB. Publicado em: 19 Jan 2017, 22h44. Atualizado em: 20 Jan 2017, 15h32. Disponível em: <http://veja.abril.com.br/brasil/aviao-que-transportava-teori-nao-tinha-caixa-preta-diz-fab/>. Acesso em: 29 Jan 2017.

O GLOBO. Morte de Teori: o que é verdade e o que é mentira nas redes sociais. Publicado em: 22 Jan 2017, 12h28. Atualizado em: 24 Jan 2017, 13h32. Disponível em: <http://oglobo.globo.com/brasil/morte-de-teori-que-verdade-o-que-mentira-nas-redes-sociais-20809772>. Acesso em: 29 Jan 2017.

PAND. Photo ID 8227524 (King Air C90GTx). Publicado em: 21 Mar 2016. Disponível em: <http://www.jetphotos.net/photohistory.php?id=8227524&range=30>. Acesso em: 29 Jan 2017.

One comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *